ENCONTRO DE SÃO PAULO

JOVENS-SEMENTE SE CONHECEM EM PRIMEIRO ENCONTRO

NOVOS MENTORES E JOVENS-SEMENTE SE CONHECEM EM PRIMEIRO ENCONTRO DE SÃO PAULO

No dia 19 de Março, o Instituto Semear reuniu no espaço da SOMOS Educação, em São Paulo, os aprovados no processo seletivo para jovens-semente e mentores do ano de 2016 e os mentores e jovens veteranos que, na sua maioria, trocaram de par na mentoria. Ao todo, cerca de 90 participantes compareceram ao evento e cerca de 45% deles o classificaram como excelente – apenas 3% ficaram insatisfeitos com o encontro.

Durante toda a manhã, o clima foi de descontração e de certa expectativa para conhecer seu respectivo mentor ou jovem-semente. O encontro começou às 8h, com uma palestra para os novos bolsistas explicando com maior profundidade o que é o Semear e o que os aguardava em termos de bolsa e mentoria.

Em seguida, uma gincana interativa foi proposta com o intuito de facilitar esse primeiro encontro entre mentores e jovens-semente. Para quebrar o gelo, características individuais dos jovens foram dadas como pistas aos mentores para que encontrassem a sua semente. O resultado não poderia ter sido melhor: a ”caça aos jovens-semente” propiciou o entrosamento de uma maneira rápida e alegre, fazendo com que todos estivessem mais acessíveis para se conhecerem melhor em um ambiente bastante confortável.

Após uma hora de conversa entre as novas duplas, inaugurou-se o segundo momento do encontro, que teve como tema “Finanças pessoais”, com os objetivos de:

1) Auxiliar os jovens-semente a se organizarem financeiramente neste novo contexto de vida;

2) Aproximar os mentores da realidade socioeconômica dos jovens.

A Bem Gasto, uma ONG que ensina finanças pessoais para populações de baixa renda e que é promovida por estudantes do ensino superior, apresentou conceitos básicos em uma palestra de 30 minutos e partiu para duas atividades. Primeiramente, jovens e mentores fariam um exercício de organizar as receitas e despesas de uma jovem universitária hipotética em uma planilha impressa. Na a hora de instruir sobre a segunda atividade, muitos dos participantes já haviam evoluído naturalmente para ela: organizar as finanças dos jovens-semente em uma outra planilha impressa. Alguns jovens relataram que essa experiência gerou um certo desconforto no início: “Como assim, vou falar de dinheiro com um estranho? ” Depois, contaram que isso foi um processo natural, o que já significou um enorme passo dado na aproximação com seus mentores.

Desejamos um ano cheio de aprendizados para os jovens-semente e seus mentores e agradecemos à SOMOS Educação e à Bem Gasto por terem feito parte dessa bela manhã.

Start typing and press Enter to search

semeares_6018